Visitando Meu Túmulo

Posted: 23/05/2010 in Mensagens, Uncategorized

“Ou vocês não sabem que todos nós, que fomos batizados em Cristo Jesus, fomos batizados em sua morte? Portanto, fomos sepultados com ele na morte por meio do batismo, a fim de que, assim como cristo foi ressuscitado dos mortos mediante a glória do pai, também nós vivamos uma vida nova”. Romanos 6:3, 4

“Pois sabemos que o nosso velho homem foi crucificado com Ele, para que o corpo do pecado seja destruído, e não mais sejamos escravos do pecado”. Romanos 6:6

Esses dias eu estava me lembrando de certas coisas que fiz quando era mais jovem e percebi que algumas delas, eu repito até hoje. Coisas que sei que não agradam a Deus e que só me levam a morte, mas que não me dei conta do quão importante é, que eu as deixe de lado.

Lembrei-me do meu batismo e algo como que uma voz sobrenatural disse a minha mente:

– Poxa!!! E o seu batismo… Onde está? Ele não era pra ser sua morte para o mundo?

Fiquei calado. Fiquei quieto e perplexo. Não tinha resposta para aquela voz que eu sabia que era do Deus Vivo. Não tinha o que dizer. Não havia como argumentar. Eu não pude me defender. Não havia desculpas para dar.

Não se trata de um pecado tão grande e assustador. Pelo contrário, se trata de algo meio que pequeno que a maioria dos mortais já cometeu ou ainda comete.

O erro estava em eu saber o quanto Deus queria que eu abandonasse aquele fardo, mas mesmo assim eu não dei bola e não me importei com a vontade de Deus.

Era como se eu tivesse morrido para o mundo no dia do meu batismo, mas vez ou outra eu ainda visitasse meu tumulo.

Essa comparação me veio à mente quando aquela voz me fez aquela tão importante e cruel pergunta.

O batismo nas águas é para o cristão um símbolo da sua morte para o mundo e do renascimento de uma nova vida em Cristo. O problema é quando o cristão resolve visitar o tumulo do velho homem que já está morto e enterrado e começa a relembrar das historias e dos erros do passado.

Aí, vêm as lamentações do tantos erros cometidos antes do novo nascimento e bate no peito aquela dor e aquela angustia como se Cristo já não nos tivesse perdoado de nossos erros.

Mas o problema maior é quando além de lembrar dos erros, o cristão os comete novamente, como que num momento de saudades da vida mundana. Alguns querem mesmo é ressuscitar o homem morto e reviver a vida pecaminosa que viviam antes de conhecerem a cristo.

Isso é triste, lamentável e, acima de tudo perigoso, muito perigoso.

O velho homem já morreu, já foi enterrado e já não existe mais. Então por que insistir em visitar o seu túmulo e reviver os erros que cometíamos no passado.

Sei que muitos que estão lendo esta mensagem estão passando pelo mesmo que passei e sei que não é fácil abandonar aquilo que dá prazer a nossa carne.

Por isso, deixo aqui uma palavra amiga, uma palavra de animo. Esforça-te e tem bom animo. Ore e jejue por tua vida e busque em Deus a santidade que Ele quer que você viva.

O Senhor te ajudará SEMPRE. Ele conhece as nossas fraquezas, conhece nossas limitações e sabe até onde podemos ir, e com toda certeza, aquilo que não podemos fazer Ele fará; Onde nossas mãos não conseguem alcançar, Ele tocará por nós.

E o mais importante de tudo: Não mais visite seu túmulo, o túmulo do velho homem; Esqueça que o velho homem um dia existiu e siga fazendo a Vontade de Deus Pai vivendo em santidade, a nova vida que Deus te deu.

William Cardoso

Anúncios

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão /  Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão /  Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão /  Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão /  Alterar )

Connecting to %s